Resenha: As Violetas de Março

TÍTULO ORIGINAL: THE VIOLETS OF MARCH
AUTOR (A): SARAH JIO
EDITORA: NOVO CONCEITO
PÁGINAS: 302
Emily Wilson tinha tudo para ser um exemplo de mulher bem-sucedida. Escritora consagrada e com um casamento estável, sua vida parecia imune aos problemas que afetam todo mundo. Até que seu marido, Joel, escolhe outra mulher com quem dividir a vida. Apesar do coração partido - e de se sentir rejeitada e abandonada -, Emily não se deixa abater completamente: arruma as malas e parte em direção a uma nova história que o destino vai se encarregar de finalizar. As Violetas de Março é uma história sobre o amor e a falta dele. É sobre almas gêmeas e sobre a força do destino. É um romance capaz de nos fazer desabrochar para a esperança, ainda que isso pareça impossível. Assim como as violetas em março.
Já faz um bom tempo que tento escrever essa resenha, mas nunca consigo expressar o que eu senti lendo As Violetas de Março. Finalmente, depois de muito tentar, apagar e reescrever, eis minha opinião sobre o livro. Isso tudo porque ele me surpreendeu muito, ainda mais pelo fato de eu não ter criado muitas expectativas.

Emily acaba de se divorciar e decide ir para a casa da tia em Bainbridge Island. Confesso que até eu gostaria de passar um mês naquela ilha que parece ser tão linda e gostosa. E a narrativa é nesse estilo também: super leve e flui muito bem. Quando percebi, já tinha lido mais que a metade em uma noite só (acho que a única coisa que me impediu de terminar a leitura no mesmo dia foi o sono).

Nessa linda ilha, Emily acaba encontrando um diário cujo o autor é desconhecido e entra de cabeça nessa tal história. Por algum motivo, essa parte me lembrou A Casa das Orquídeas - outro que eu adorei bastante é um dos meus favoritos, e tem resenha aqui -, com um mistério (que obviamente, só tem sua solução no final do livro) muito envolvente.

Fiquei apaixonada por todas as personagens. Cada uma tinha uma personalidade única e chamativa, coisa que raramente consigo encontrar atualmente. E também, todos tinham um papel "importante", não sendo apenas um para preencher a história, mas sim, como se fossem as peças do quebra-cabeça (sim, uma comparação muito clichê, mas não encontrei melhor explicação para tal).

No término da leitura, senti que faltava alguma coisa, só não sei o quê. Talvez uma visão mais ampla - já que é narrado em primeira pessoa -, como, por exemplo, o ponto de vista de outras personagens específicas. Porém, isso não atrapalhou de forma alguma, muito menos seria um ponto negativo. Acho que  é apenas porque não me conformei com o fim do livro - quem nunca passou por isso? - e fiquei esperando a continuação.

Por fim, já está mais que na cara que recomendo demais As Violetas de Março. Simplesmente, adorei esse livro, e espero que você - como eu - goste também.

245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)

10 comentários:

Luara Cardoso disse...

Quem nunca passou por isso de querer que o final fosse diferente? Mas é bom isso acontecer, até porque a nossa "aceitação" passa a ser maior.
Esse livro te tocou bastante, ein? É uma delícia quando isso acontece. <3

Um beijo,
Luara - Estante Vertical

Marcelle Dantas disse...

Oi Julia!

Ah, esse livro deve ser muito bom mesmo. Eu não dei muito crédito a ele no inicio, acho que a capa não me atraiu muito. Mas com tantas resenhas positivas como a sua, tenho que dar o crédito. É um livro que eu leria, com certeza!

Beijos,

Marcelle
www.bestherapy.net

Larissa disse...

Que bom que curtiu o livro. Adoro aqueles que nos fazem ficar a madrugada inteira lendo haha.
Beijos, Lari

http://www.bagacodelaranja.com

Livroterapias disse...

Ah, também gostei muito desse livro!
Realmente essa questão da narrativa não atrapalha!
Adorei a resenha
Beijinhos
Rizia - Livroterapias

✿Nessa✿ disse...

Oi Ju*
Sempre vejo bons comentários sobre este livro. Agora você me deixou mais curiosa.
Acho essa capa linda.

Beijos*
http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

Aline Coelho disse...

Julia que resenha legal, fiquei curiosa para ler. Só tenho lido resenhas positivas sobre esse livro, então ele já está na minha lista de desejo =)
Obrigada pela visita e comentário no meu blog ok!!!
Bjinhos e ótima semana!!!

Leituras, vida e paixões!!!

Bianca pires disse...

Esse livro me chamou atenção desde que a editora anunciou que ia lançar, mas ainda não conseguir encaixar ele nas minhas leituras, mas quero fazer isso logo!! E o fato de você ter lembrado de A casa das orquídeas me animou mais ainda, porque eu amei esse livro!

Beijos, Bianca
http://behindenemyline8.blogspot.com.br/

Amanda Cristina disse...

Oi Ju! A melhor maneira de se deliciar com uma trama é não criando muitas expectativas sobre ela. Atualmente estou colocando isso em prática e estou colhendo bons resultados: livros lidos cada vez melhores! Hahaha
As Violetas de Março já encanta-me pelo título e pela capa. Tudo tão lindinho! <3 Gostei muito da sua resenha e espero poder ler o mais breve possível! Amo personagem que conseguem nos cativar... É tããão bom!

Beijinhos! www.primeiro-livro.com

May Braga disse...

Oi Julia!
Estou lendo tantas resenhas positivas a respeito desse livro que vou colocá-lo na lista de "importantíssimos" haha.
Estou ficando muito ansiosa para conhecer essa história mais a fundo!

Beijos
http://glowofthemoonlight.blogspot.com.br/

Jéssica disse...

Oi Júlia,
Todas as pessoas que disseram que leram As violetas de Março, recomendaram...
depois de ler sua resenha, tive certeza que quero lê-lo.

Bjs....
wwwsnowhitej.blogspot.com.br