Resenha: Um Amor Para Recordar

TÍTULO ORIGINAL: A WALK TO REMEMBER
AUTOR (A): NICHOLAS SPARKS
EDITORA: NOVO CONCEITO
PÁGINAS: 184
"Há momentos em que desejo fazer o tempo voltar e apagar toda a tristeza, mas eu tenho a sensação de que, se o fizesse, também apagaria a alegria. Assim, revivo sempre que possível. Isso acontece com mais frequência do que as pessoas percebem...Quando eu tinha 17 anos, minha vida mudou para sempre... Estou com 57, mas ainda me lembro de tudo que aconteceu naquele período, em seus mínimos detalhes. Sempre o revivo em minha mente, trazendo-o de volta à vida, e sinto uma estranha combinação de tristeza e alegria quando o faço. Esta é a minha história - e prometo contar tudo. No início você vai sorrir, e depois, chorar - não diga que não avisei."
Já faz um tempo que adquiri esse livro, mas por algum motivo (que eu não sei qual), fui adiando a leitura, até que, em uma daquelas ressacas literárias, peguei-o para ler e não me arrependi.

O livro é narrado por Landon Carter, um homem de 57 anos que conta a história de quando era adolescente. Aos 17, ele foi um daqueles bad boys que adorava zoar com todo mundo e que não levava nada a sério. E Jamie era justamente o contrário; filha do pastor, ajudava todos da cidade sem ao menos que pedissem.

Antes de lê-lo, já havia assistido o filme e sabia que iria me emocionar. Tentei me preparar psicologicamente para isso, mas todo o esforço foi em vão. Fiquei surpresa quando comecei a ler, pois logo percebi que seria bem diferente do que a adaptação.

Landon, até a metade do livro, me irritava pelo seu jeito arrogante e até cruel com as pessoas, principalmente com quem não merecia. Mas, conforme prossegui a leitura, pude ver o amadurecimento dele, largando de ser um moleque, para finalmente entender as coisas como um homem adulto. Já a Jamie era uma personagem fofa e encantadora, não tinha como não gostar dela do início até o fim.

Foi uma leitura leve e por se tratar de um livro fino, pensei que os acontecimentos seriam mais superficiais, mas não foi isso que aconteceu. Já é de imaginar que um livro do Nicholas Sparks seja emocionante, mas ele realmente me surpreendeu e conseguiu ser melhor do que esperava.

Recomendo para todos que gostam de uma estória romântica e que não ligue de chorar um pouquinho, rs.

"A vida, eu aprendi, nunca é justa. Deveriam ensinar isso nas escolas." - p. 22.

245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)

3 comentários:

Vanessa Vieira disse...

Parabéns pela resenha Julia! Estou ansiosa para ler Um Amor para Recordar! Beijo!

Giovanna Milanez disse...

Olá flor! Acabei de ler esse livro ontem e amei também! É um livro bem rápido mais com muita emoção, chorei no final :(
Beijos, Giovanna
http://www.sonhando-com-livros.blogspot.com.br/

Yasmin Dutra disse...

Parabéns pela resenha Jú ! Farei tuas palavras as minhas... Por ser um livro fino apostei que ele poderia ser bem superficial,ao decorrer da resenha pude notar que o Nicholas surpreende A TODOS, onde um livro em que o narrador é o personagem no ''passado'' poderia ser tão interessante? Estou ansiosa para lê-lo e sem dúvidas este xodozinho entrou para a lista de DESEJADOS ! Beijos