Resenha: Adormecida

TÍTULO ORIGINAL: A LONG, LONG SLEEP
AUTOR (A): ANNA SHEEHAN
EDITORA: LUA DE PAPEL
PÁGINAS: 272
Rose Fitzroy esteve dormindo profundamente durante décadas. Imersa num sono induzido, esquecida em um porão por mais de 60 anos, a jovem foi tratada como desaparecida enquanto os anos sombrios pairavam sobre o mundo. Despertada como por encanto e descobrindo-se herdeira de uma corporação multimilionária, Rose vai entendendo pouco a pouco, tudo o que aconteceu em sua ausência. Ela descobre que seus pais estão mortos. O rapaz por quem era apaixonada não é mais que uma mera lembrança. A Terra se tornou um lugar estranho e perigoso, especialmente para ela, que terá que assumir seu lugar à frente dos negócios. Desejando adaptar-se à nova realidade, Rose só consegue confiar numa única pessoa estranhamente familiar. Rose até gostaria de deixar o passado para trás, no entanto, ao pressentir o perigo, percebe que precisa enfrentá-lo - ou não haverá futuro.
Rose é retirada de um sono induzido após 60 anos, o mundo não é mais do jeito que era antes de a colocarem para dormir e ela terá que conviver com a perda de tudo que tinha como realidade.

Quando comecei a ler esse livro, não havia muitas expectativas criadas em cima dele, achando que era apenas mais um daqueles contos de fadas adaptados, mas com certeza ele é muito mais que isso. Outro erro meu foi pensar que seria mais uma distopia. Sim, a estória é de fato narrada em uma época futurística, mas não se encaixa na categoria 'distópico'.

É meio complicado uma narrativa de um "novo planeta" sem parecer confuso para o leitor, mas Anna Sheehan o conseguiu retratar aos olhos de Rose, onde as pessoas se comunicam por hologramas e os cadernos dos alunos são substituídos por supertablets.

Por mais incrível que pareça, não foi a protagonista que me chamou a atenção, mas sim os personagens secundários. Rose não tem muito da sua vida para contar, por ter passado tanto tempo da sua vida dormindo, mas em compensação, os outros personagens, como o Otto, realmente são intrigantes.

O final deixou um gostinho de "quero mais", mas soube depois que o livro terá uma continuação e estou ansiosa para lê-lo, pois Adormecida foi realmente uma leitura muito prazerosa e surpreendente.

245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)

11 comentários:

✿Nessa✿ disse...

Oie!
Eu não conhecia o livro, mas o título e capa ja me chamam a atenção pois adoro contos de fadas!
Ai, fiquei bem curiosa para ler!

Bjinhs*
http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/2012/11/na-caixinha-de-correio.html

Ceile disse...

Ah, uma amiga minha falou mesmo que a graça está nos secundários, principalmente Otto <3

Eu, pra falar a verdade, não sei muito o que esperar deste livro... Procuro não criar muitas expectativas para não me decepcionar depois. Sabe, é um trauma estes contos de fadas adaptados, ainda bem que vc disse que não é bem assim rs.

Beijo!
estejali.com

Morgan Nascimento disse...

Olá, parabéns pelo blog!
Se você puder visite este blog:
http://morgannascimento.blogspot.com.br/
Obrigado pela atenção

Fran Kukuty disse...

Oi Julia, pois é qnto tempo! Adorei sua resenha, não conhecia o livro e fiquei curiosa para ler, qndo vc falou em continuação aí msm q me empolguei. É tão legal qndo não esperamos mto do livro e ele nos surpreende, adoro!
Bjinhos, Fran
http://www.misskukuty.blogspot.com.br

Sofia disse...

Oi Julia, adoro a capa de "Adormecida", é tãaao linda! Já a história não me deixa tão curiosa assim! Acho interessante os distópicos!

Beijos

Livroterapias disse...

Estava pensando em começar a ler hoje esse livro!
Com essa indicação! Com certeza começarei!
Beijinhos
Rizia - Livroterapias
livroterapias.blogspot.com.br

Alinne disse...

Oi.
Gostei da resenha.E essa capa é linda dá vontade de ter o livro na estante=)
Parabéns pela resenha.
Beijos.

Eduarda Menezes disse...

Oi, Julia!
Também me surpreendi com esse livro. Tornou-se um dos meus favoritos deste ano.
O romance é simplesmente lindo demais, a história de amor deles é tão pura e completa, chorrei horrores, fazia tempo que não soluçava tanto lendo um livro huahaua
Também me apaixonei pelo Otto e pelo Xavier.
Uma leitura intrigante e extremamente prazerosa!
Beijos!

Enfim Shakespeare disse...

Vendo do seu ponto de vista o livro realmente parece bom e uma leitura bem diferente.

http://enfimshakespeare.blogspot.com.br/

Emanuella Casado disse...

Nunca tinha ouvido falar. Mas adorei a resenha. Com certeza vai entrar na minha lista de leitura.

beijos

www.amodernpinup.com

Giovanna disse...

Adorei a resenha e a capa, tem um selinho pra vocês lá no meu blog:http://cafe-com-livro.blogspot.com.br/2012/12/meus-queridos-memes-selinho.html

Beijoos Giih
http://cafe-com-livro.blogspot.com.br