Resenha: Sangue Quente

TÍTULO ORIGINAL: WARM BODIES
AUTOR (A): ISAAC MARION
EDITORA: LEYA
PÁGINAS: 252
Oi, eu sou um zumbi e isso não é tão ruim assim. Me desculpe por não poder me apresentar direito, mas não me lembro do meu nome, nenhum de nós se lembra. Também nos esquecemos de nossos aniversários e das senhas do banco. Acho que meu nome começava com R. É engraçado, porque, quando era vivo, vivia me esquecendo do nome dos outros. Estou descobrindo que esse tipo de ironia está muito presente na vida de zumbis, mas é difícil rir quando mal consigo falar.
Esqueça os estereótipos de tudo referente aos zumbis. Em Sangue Quente, eles pensam e até têm seus momentos de reflexão sobre a "vida" que estão tendo e tudo mais... Eles não lembram da sua antiga vida, nem de como e quando se tornaram Mortos.

Mas o que faz R realmente mudar seus instintos zumbi é Julie, uma humana. Isaac Marion reformulou minha forma de pensar sobre os zumbis, com uma narrativa que me fez rir. Não estou acostumada a ler livros dessa temática, mas achei bem criativo a estória ser pelo ponto de vista de R.

A narração é boa e segue fluentemente, mas existiam algumas coisas que infelizmente não deixei de notar. Não que eu repare em cada letrinha do livro, em cada ponto e tudo mais, mas havia falas misturadas em parágrafos narrativos, erros de digitação bobos... Tirando esse pequeno detalhe, não tem nada do que reclamar de Sangue Quente.

O que mais gostei nele, foi os personagens bem elaborados. Julie não é uma Viva frágil, que fica com medinho o tempo todo. O engraçado é que mesmo que esses zumbis sejam bem diferentes dos que vemos direto por aí, eles não deixam de ter aquelas atitudes, como por exemplo, o cambalear na hora de andar, os grunhidos, a pele acinzentada e entrando em decomposição...

Eu até poderia dar cinco estrelas para ele, mas por causa daqueles errinhos que citei, não tem como, mas é claro que recomendo.

245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)

7 comentários:

✿Nessa✿ disse...

Olá!
Pelo que vc diz o livro é bom apesar dos erros.
Eu tbm nunca li livros de zumbis, fiquei curiosa!!

Bjinhs*
http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

Capa de Couro Peregrine disse...

Bom dia Júlia!

Nunca li nenhum livro sobre **zumbis*, aqui em casa a Gi já leu vários..fiquei interessa em começar por esse..com temática diferente desse ""ser zumbi""...porém..o que mais me chamou atenção é que o livro possui ""Humor"" - adoro!
Vou colocá-lo em minha lista.

Abraços

Sil - Capa de couro pelegrine

Gabriela Silva disse...

Amigaaaa eu nunca imaginei que um livro de zumbis pudesse ser tão interessante! Sério, eu amei a sua resenha e achei o tema desse livro muito legal, fiquei com vontade de ler esse livro sim! *-*
Mil Beijos!
http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

May L. disse...

Hey Julia!
Ah, eu estava morrendo de curiosidade sobre esse livro, mas depois que li em algum lugar "O zumbi come o cérebro do namorado da garota e se apaixona por ela", bem, fiquei com o pé atrás.
Mas acho que vou dar uma chance sim, pela sua resenha.

Beijos
glowofthemoonlight

Sofia disse...

Esses erros atrapalham mesmo, né? Adorei essa nova percepção de Zumbis, fiquei bem curiosa!

Um beijão!
Lendo de Tudo

Vinícius Costa disse...

Acho que vou esperar pra ver o filme desse...
A sinopse não me cativa de jeito nenhum!!! =/
Um beijo,
Vinícius - Livros e Rabiscos
Tem promo nova de Sábado à Noite, da Babi Dewet! ^^

Agora tô pronta disse...

Que bacana, quero ler.
agoratopronta.blogspot.com.br
Beijos Vanessa