Resenha: O Clã dos Magos

TÍTULO ORIGINAL: THE BLACK MAGICIAN'S GUILD
AUTOR (A): TRUDI CANAVAN
EDITORA: NOVO CONCEITO
PÁGINAS: 448
Todos os anos, os magos de Imardin reúnem-se para purificar as ruas da cidade dos pedintes, criminosos e vagabundos. Mestres das disciplinas de magia, sabem que ninguém pode se opor-se a eles. No entanto, seu escudo protetor não é tão impenetrável quanto acreditam. Enquanto a multidão é expurgada da cidade, uma jovem garota de rua, furiosa com o tratamento dispensado pelas autoridades a sua família e amigos, atira uma pedra ao escudo protetor, colocando nisso toda a raiva que sente. Para o espanto de todos que testemunham a ação, a pedra atravessa sem dificuldades a barreira e deixa um dos magos inconsciente. Trata-se de um ato inconcebível, e o maior medo do Clã de repente se concretiza: uma maga não treinada está à solta pelas ruas. Ela deve ser encontrada, e rápido, antes que seus poderes fiquem fora de controle e destruam a todos.
No dia da Purificação, um grupo de garotos jogavam pedras nos magos inutilmente, já que esses utilizam um escudo mágico em volta de si. Ele só pode ser quebrado se for usado a magia, e Sonea consegue fazer com que uma pedra atravesse a barreira protetora. Assustados com uma maga selvagem à solta, os magos saem a procura da garota que causou tanto alvoroço em Imardin.

O primeiro livro da trilogia do Mago Negro é como uma introdução a estória, onde conhecemos os magos, os Ladrões e também o povo da favela. É narrado em terceira pessoa, e isso fez com que eu tivesse uma ideia ampla dos dois lados - o da Sonea e o dos Magos. Eu adorei a narrativa da autora, dava para notar as marcas de linguagem das pessoas que moram na favela, e dos Magos, que são mais formais.

Eu gostei de como as personagens foram estruturadas. Pela a narração, dava para perceber que elas não tinham exatamente o padrão de beleza que vemos em muitos livros por ai, foi algo que me surpreendeu bastante, e que fez com que eu me apaixonasse ainda mais pela leitura. Existem palavras que são específicas do povo de Imardin, então às vezes eu tinha que buscar o significado no glossário que ficava nas últimas palavras do livro, não que isso atrapalhou ou algo assim.

A capa me agradou bastante, não sei como explicar aqui para vocês, mas é como se fosse um papel com uma escrita bem apagada, que deu a aparência de coisa velha. Por fim, já está mais do que na cara que eu adorei esse livro, e que eu recomendo ele para todos.

245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)245n97a.png (32×32)

7 comentários:

✿Vanessa✿ disse...

Oi Ju*
Te confesso que este livro nunca me interessou, por sorte eu ganhei um mago de presente de uma blogueira*
Mas agora lendo sua resenha e vendo como vc gostou do livro, me deu vontade de ler. Parece interessante o livro, ele é diferente, uma assunto diferente do que estou acostumada a ler.
Bela resenha!!
Bjinhs*

https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com

Vinícius Costa disse...

Ei Ju!
Já mencionei anteriormente que essa capa é linda e estou morrendo de curiosidade pelo livro, e agora com sua resenha acho que não hesito em comprar mais! Hehe
Mesmo sendo introdutivo, como você mesma disse, não me impeço de estar ansioso!

Um beijo,
Vinícius - Livros e Rabiscos

Gabriela Silva disse...

Oi linda eu não conhecia esse livro, mas achei a capa e a sua resenha bem interessantes. Talvez eu possa até dar uma chance e ler esse livro um dia! Mil Beijos!
http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

Alinne disse...

Oi Ju.
Acho bem interessante esse livro e o tenho para ler, mas somente ainda não conheci a história devido ter passado outros na frente da lista...porém pelo que você ressaltou com certeza irei adora-lo.
Beijão.

Fernanda - Trilhas Culturais disse...

Bom ler uma opinião boa do livro já que ele é enorme né? Hehehe, quero ter logo a continuação. :)

Luara Cardoso disse...

Eu estou com vontade de ler esse livro só porque faz tempo que não leio nada nesse estilo.
Mas depois de ver que você gostou tanto assim, já fiquei com vontade de ler.

Um beijo,
Luara - Estante Vertical

Aline Gasparini disse...

Ah, confesso que tenho muita curiosidade em relação a esse livro, porém até hoje ainda não consegui lê-lo. Nos últimos tempo andei vendo várias criticas negativas em relação a estrutura a história, mas mesmo assim ainda estou super curiosa. Enfim, adorei a resenha:D

Beijos&beijos
Book is life